Brasiliense derrota o Real no jogo de ida e fica a um passo da final do Candangão


Foto: Hugo Barreto/Metrópoles

Na tarde desta quarta-feira, o Brasiliense venceu o Real Brasília por 1×0. O jogo, válido pela semifinal do Candangão, foi disputado no estádio Defelê, na Vila Planalto. Zé Love, um dos atletas mais experientes do Jacaré, marcou o gol do jogo em cobrança de pênalti já no apagar das luzes.

A primeira etapa foi bem morna. Apesar do pouco ímpeto das equipes, foi o Real Brasília quem esteve melhor e quase marcou. Em duas chegadas, o Leão assustou o goleiro do Brasiliense, Fernando Henrique. A primeira, aos 26, Davi Ceará arriscou de longe e o arqueiro fez uma boa defesa. Dez minutos depois, aos 36, Léo Campos arriscou de fora da área, mas a bola foi pra fora. 

O detalhe principal do Brasiliense no primeiro tempo foi a saída, por lesão, de Neto Baiano. O centroavante sentiu dores musculares e teve que ser substituído por Romarinho. O jogador foi a novidade na escalação em relação aos últimos jogos.

Na segunda etapa, logo aos 10 minutos, o zagueiro do Real, Allef, foi expulso em um lance com Zé Love. Depois disso só deu Brasiliense. O Jacaré teve suas principais oportunidades na bola parada, com Douglas. Na primeira, o meia cobrou falta na área, a zaga do Real Brasília desviou para trás e quase fez contra. Na segunda oportunidade, Douglas bateu e Aldo escorou de cabeça. O goleiro Artur fez grande defesa e salvou o Real.

Aos 44, Badhuga sofreu pênalti, que foi muito reclamado pelos jogadores e comissão técnica do Real. Na cobrança, Zé Love deslocou o goleiro do Leão do Planalto e ampliou ainda mais a vantagem do Jacaré no confronto. Agora, o Brasiliense pode até perder por um gol de diferença no jogo de volta que ainda assim se garante na final.

As duas equipes voltam a se enfrentar no domingo (23), às 11h, no estádio Serejão, agora com mando do Brasiliense.

FICHA TÉCNICA 
CAMPEONATO CANDANGO 2020 – SEMIFINAL – JOGO DE IDA
REAL BRASÍLIA 0x1 BRASILIENSE
19/08/2020 – ESTÁDIO DEFELÊ – VILA PLANALTO

Árbitro: Marcell Rudá;
Assistente 1: Lehi Souza Silva
Assistente 2: Lucas Costa Modesto
Quarto árbitro: Matheus Moraes.

Cartões Amarelos: Badhuga e Renatinho (Brasiliense) Allef Nunes, Léo Campos, Ayrton, Márcio (Real Brasília).
Cartões vermelhos: Allef Nunes (Real Brasília)

GOL: Zé Love (44′ 2T)

AMARELOS: Badhuga e Renatinho (Brasiliense)

REAL BRASÍLIA: Artur; Gedeilson (Ayrton), Allef Nunes, Márcio e Léo Campos; Tiago Ulisses, Fábio Leite (Geovane), Gabriel e Davi Ceará (Waldson); Pedrinho (Wellington Sabão) e Gilvan (Jr Chicão).
Técnico: Ariel Mamede

BRASILIENSE
Fernando Henrique; Railan, Badhuga, Rodrigo e Fernandinho; Bruno Lima (Douglas), Aldo, Esquerdinha (Peninha) e Marcos Aurélio (Renatinho); Neto Baiano e Zé Love
Técnico: Márcio Fernandes

Fonte: esportesbrasilia
Author: Gabriel Spies

Powered by WPeMatico

ESTÁDIO NACIONAL MANÉ GARRICHA

O Portal do estadiomanegarrincha.com.br é um portal independente, que reúne informações sobre notícias do esporte, jogos e eventos no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Siga-me no Twitter

Facebook

Idiomas: