Brasiliense passa com tranquilidade pelo Palmas e se aproxima do Gama


Foto: Christian Alencar/esp. Metropoles

O Jacaré do papo amarelo venceu mais uma na Série D. A vítima da rodada foi o Palmas/TO, time de pior campanha da competição, que ainda não marcou pontos no campeonato. Romarinho, Zé Love e Luquinhas anotaram os gols do triunfo por 3×0, fora de casa.

Com 40 segundos de partida, Romarinho aproveitou bom cruzamento de Diogo e já marcou o primeiro do Brasiliense. Ao longo da etapa inicial, o Palmas tentou por algumas vezes chegar ao ataque amarelo, mas sem sucesso.

Aos 44 do primeiro tempo, mais um cruzamento perfeito de Diogo para Zé Love, o artilheiro do amor, que tem eficiência inferior do que as de Pedro, do Flamengo, e Brenner, do São Paulo, no futebol brasileiro. O camisa nove não titubeou e colocou na rede, ampliando o marcador. Esse foi o 15° gol de Zé Love na temporada, em 22 jogos.

No segundo tempo, com vantagem confortável no placar, o Brasiliense só administrou o jogo e não se expôs muito na partida. O terceiro gol saiu aos 19 minutos. Maicon Assis recebe passe na grande área e bate pro gol. A bola vai na trave. No rebote, Peninha domina, tira da marcação e enxerga Luquinhas avançando pela esquerda. O camisa 7 recebe e bate pro gol, dando números finais ao confronto.

Com a vitória, o Brasiliense se isola, ainda mais, na vice liderança da chave A6, com 23 pontos, dois apenas atrás do Gama, líder isolado do grupo.

O próximo jogo do Jacaré é no sábado (07), às 20h30, no estádio Carneirão, na Bahia, contra o Atlético Alagoinhas/BA, válido pela 11ª rodada.

Ficha Técnica
Palmas 0x3 Brasiliense
11° rodada – Campeonato Brasileiro Série D
Estádio Nilton Santos – Palmas/TO

Arbitragem: Árbitro: Maicon Pessoa de Souza – RO (CBF);
Assistente 1: Natal da Silva Ramos Júnior – TO (CBF);
Assistente 2: Alvani Brito Nunes – TO (CBF).

Palmas
Jennerson; Matheus, Lucas, João Victor e Jefferson; Isaac (Marcelo), Ugor, Boró e Luis Fellipe; Kanon e Felipe (Vinícius).
Técnico: Robson Tavares

Brasiliense
Edmar Sucuri, Diogo, Breno Calixto, Preto Costa, Peu (Carlos Henrique); Radamés (Bruno Lima), Balotelli (Julen Sandy), Luquinhas e Maicon Assis (Jefferson Maranhão); Romarinho (Peninha) e Zé Love.
Técnico: Edson Souza

Cartões Amarelos: Ygor (Palmas); Luquinhas, Sandy e Carlos Henrique (Brasiliense).

Fonte: esportesbrasilia
Author: Gabriel Spies

Powered by WPeMatico

ESTÁDIO NACIONAL MANÉ GARRICHA

O Portal do estadiomanegarrincha.com.br é um portal independente, que reúne informações sobre notícias do esporte, jogos e eventos no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Siga-me no Twitter

Facebook

Idiomas: