História que se repete: Irmão de Lucas Paquetá é dispensado por clube da Série D sem entrar em campo


Matheus Paquetá teve o contrato rescindido pelo Joinville

Agora é oficial: o meia-atacante Matheus Paquetá, irmão de Lucas Paquetá, ex-jogador do Flamengo e, hoje no Lyon, não faz mais parte do elenco do Joinville. À primeira vista, o jogador entrou em acordo com o clube e rescindiu de forma amigável o contrato que iria até dezembro deste ano.

Siga o Torcedores também no Instagram

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Aos 25 anos, Matheus Paquetá foi contratado pelo Joinville em 15 de setembro. Ele, antes de mais nada, chegou ao clube com status de craque. A expectativa criada, no entanto, se transformou em frustração. O meia não conseguiu render o que a torcida esperava com a sua chegada.

Matheus, inclusive, foi relacionado pelo técnico Fabinho Santos para dois jogos da Série D. No entanto, o jogador sequer entrou em campo pelo clube. Ele ficou fora da lista na derrota por 1 a 0 para o Pelota e da vitória por 2 a 0 sobre o São Luiz.

Na manhã desta quarta-feira, o jogador, enfim, se despediu do elenco e dos funcionários do Joinville. Mas o meia não deve ficar muito tempo desempregado. O destino do jogador deve ser o futebol carioca. Matheus Paquetá tem proposta de dois clubes que disputam a Série B do Estadual.

Com a saída de Matheus Paquetá, o Joinville conta com cinco meias de ligação no grupo principal: Chrystian Barletta, Diego Mathias, Kaynan, Lucas de Sá e Luquinhas. O presidente Vilfred Schapitz não descarta ir ao mercado e buscar um atleta para reforçar o elenco.

A carreira de Matheus Paquetá

Nascido no Rio de Janeiro, Matheus Tolentino Coelho de Lima foi revelado pelo Ceres (RJ). Em 2017, o meia foi contratado pelo Tombense (MG), clube administrado pelo empresário Eduardo Uram que gerencia a carreira de Lucas Paquetá.

Logo após deixar o clube mineiro, Matheus teve breve passagem pelo Avaí (SC) onde não deixou saudades. Posteriormente, ele sequer foi notado quando foi contratado pelo Almirante Barroso (SC). Ele, inclusive, sequer disputou uma partida oficial pelo time catarinense.

Antes de acertar com o Joinville, Matheus Paquetá foi contratado pelo Monza. O clube pertence ao ex-primeiro ministro da Itália, Sílvio Berlusconi, que adquiriu a gestão do time da terceira divisão em 2018. Por lá, o jogador também não deixou saudades.

LEIA MAIS:

História que se repete: Irmão de Lucas Paquetá é dispensado por clube da Série D sem entrar em campo – Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes.

Fonte: torcedores.com
Author: Wilson Pimentel

Powered by WPeMatico

ESTÁDIO NACIONAL MANÉ GARRICHA

O Portal do estadiomanegarrincha.com.br é um portal independente, que reúne informações sobre notícias do esporte, jogos e eventos no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Siga-me no Twitter

Facebook

Idiomas: