Lutando contra o tempo, Gama prepara time para a estreia no Candangão


Ausente da edição passada, a equipe feminina vem com uma reformulação completa para esta temporada. Sob a gestão de Ítalo Batista, o Periquito trouxe o técnico Singol Santos para comandar o alviverde. Treinador responsável pela ascensão do Minas Brasília no cenário local e nacional, ele terá pouco tempo para montar e preparar o time para a estreia diante do Ceilândia.

A parceria do Gama com o projeto União Gamense foi sacramentada apenas no dia do arbitral. E a nova gestão ainda teve de esperar o OK do presidente Weber Magalhães que estava em viagem à Espanha. Daí em diante a corrida foi por estrutura de treinamentos, uniformes e reforços.

Apesar dos problemas, o técnico Singol Santos acredita que o Gama fará um bom campeonato, sonhando com a possibilidade de terminar a primeira fase entre os quatro classificados: “O trabalho iniciou tem duas semanas, confesso que será um trabalho árduo. Mas para a gente que vive do futebol, é um desafio satisfatório, gostoso de você poder estar aqui dentro, pegar um trabalho do início. E o mais bacana é você terminar o trabalho, olhar para trás e deixar um legado, isso é interessante pra gente. Já em relação ao tempo de trabalho, nós começamos a trabalhar com bola há dois dias e somente hoje (23) tivemos nosso primeiro coletivo. Mas a gente tem que se virar nos trinta. É um trabalho que será curto mas consistente, o Gama é uma equipe grandiosa que tem uma torcida grande. Eu acredito que se a gente conseguir dar bons passos, daqui a pouquinho a torcida vai apoiar, vai subir para a série A2 e série A1. É só ter uma oportunidade, aí o time vai chegar. Esse é o objetivo da Diretoria” disse.

Já o elenco está sendo montado em tempo recorde. Além de aproveitar atletas do Santa Maria e do próprio projeto do União, vieram reforços do Minas Brasília e de equipes de outros estados como Bahia, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Destaque para a goleira Monique Paz (passagem por Ferroviária-SP e Avaí Kindermann), a lateral esquerda Amanda Condé (Duque de Caxias e Botafogo-RJ) e a atacante Nataleigh Underhill, brasiliense mas com família dos Estados Unidos. A equipe titular ainda dependerá dos treinamentos de apronto programados para semana que vem.

Acompanhe abaixo o elenco do Gama Feminino para o Candangão 2020:

ELENCO

  • GOLEIRAS: Myllene (Brazlândia/As Minas) e Monique Paz (Real Ariquemes-RO);
  • ZAGUEIRAS: Letícia (Brazlândia/As Minas), Bruna Souza (Juventude-GO), Cíntia Oliveira (Duque de Caxias-RJ), Dayara (Santa Maria) e Jade Cristina (Futgol-MG);
  • LATERAIS: Ludymila (Santa Maria), Janaina Nahare (Gama), Amanda Condé (Botafogo-RJ), Isabela (União Gamense) e Lorena (Futgol-MG);
  • VOLANTES: Jennifer Ciúves (Atlético-MG), Kethlen (Brazlândia/As Minas), Camilla Nonato (Osasco Audax-SP), Susan (Estrelas-MG), Emilly (Santa Maria) e Vitória (Capital Feminina);
  • MEIAS: Karol (Juventude-GO), Karina (Comercial-MS), Layslane (União Gamense) e Kaylane (Capital Feminina)
  • ATACANTES: Mambana (Brazlândia/As Minas), Nataleigh Underhill (Team Brazuca), Yasmin (Santa Maria) e Andrea Silva (Independente-DF);

COMISSÃO TÉCNICA

  • TÉCNICO: Singol Santos;
  • AUXILIAR TÉCNICO: Damião Santos;
  • PREPARADOR FÍSICO: Alexandre Ramos;
  • PREPARADOR DE GOLEIRAS: Mateus Silva;
  • GESTOR: Ítalo Batista

O post Lutando contra o tempo, Gama prepara time para a estreia no Candangão apareceu primeiro em DF Sports Mais.

Fonte: esportesbrasilia
Author: Marcelo Gonçalo

Powered by WPeMatico

ESTÁDIO NACIONAL MANÉ GARRICHA

O Portal do estadiomanegarrincha.com.br é um portal independente, que reúne informações sobre notícias do esporte, jogos e eventos no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Siga-me no Twitter

Facebook

Idiomas: