Minas Brasília vence e está perto de garantir permanência na Série A1


O Minas Brasília foi até Manaus encarar o Iranduba, na Arena da Amazônia (AM), valendo pelo Campeonato Brasileiro Feminino A1. O jogo valia muito para as duas equipes, quem vencesse praticamente consolidava a vaga na primeira divisão, e afundava ainda mais a outra equipe. O jogo teve final feliz para as garotas do Minas, que com dois gols de Bárbara e grande atuação de Katrine, garantiram a vitória.

Primeiro tempo

O jogo começou lento, sem grandes chances de gol. O forte calor atrapalhou um pouco o desempenho das duas equipes, que mal conseguiam pasar do meio de campo.

O primeiro lance de perigo só aconteceu aos 23’, quando Robinha chutou de longe e a bola passou por cima do gol de Stefane. O Minas era superior em campo, Katrine chamava o jogo e armava bem, mas a defesa da Iranduba tirava tudo. Aos 35’, Bárbara chutou forte de fora da área, assustando a goleira.

Mesmo com forte marcação das donas da casa, o Minas pressionou a saída de bola, e aos 40’, Bárbara recebeu passe de Katrine dentro da área e só chutou no canto direito da goleira, sem chance de defesa. O placar estava aberto!

Ainda no final do primeiro tempo, Robinha teve a chance de ampliar. Aos 43’, chutou forte de longe, e a goleira precisou fazer uma grande defesa, espalmando para escanteio, só dava Minas. Aos 49’, Bárbara recebeu dentro da área e finalizou forte, a goleira fez nova defesa para impedir o segundo gol da equipe do DF.

Foto: Reprodução/Twitter Iranduba

Segundo tempo

O time da casa começou o segundo tempo pressionando, e logo aos 2’, teve uma chance de escanteio, onde Paulinha chutou por cima do gol, assustando a defesa do Minas. Em seguida, aos 7′, Luana chutou de fora da área e a bola assustou a goleira Thalya, que tirou com os olhos.

Apesar de começar a segunda etapa sendo pressionado, o Minas Brasília seguiu em busca do segundo gol, e aos 11, veio o balde água fria para o time da casa. Steff recebeu pela esquerda e cruzou na cabeça da Bárbara, que marcou seu segundo gol no jogo e aumentou a vantagem para a equipe visitante.

Com 2×0 no placar, o time do DF só precisou controlar a partida. Aos 20′, Robinha finalizou de muito longe, em direção ao gol, e obrigou a goleira Stefane a fazer uma grande defesa, jogando a bola para escanteio.

Em uma bela jogada de Brenda, o Iranduba quase diminui aos 24’. A atleta cruzou na cabeça de Paulinha, que finalizou forte e no canto. Apesar desse susto, o Minas era melhor em campo, Katrine comandava o jogo no meio, com bons passes e armando bem as jogadas.

Aos 39’, Robinha recebeu sozinha e chutou forte, mas a goleira evitou o terceiro gol. Com uma grande atuação, Stefane impediu uma goleada do Minas Brasília.

Já nos acréscimos, o Iranduba teve a chance de marcar o gol de honra. Aos 48’, Cíntia chutou e a bola bateu na mão de Hulk. Ela mesmo foi para a cobrança, mas chutou para fora. Vitória do Minas e mais três pontos na luta contra o rebaixamento.

O time agora está com 14 pontos na 12ª posição, e volta à campo no sábado (10), contra o Cruzeiro, novamente fora de casa. Já o Iranduba segue na 13ª posição, com 10 pontos, e enfrenta o Kindermann no domingo (11).

FICHA TÉCNICA

IRANDUBA 0 x 2 MINAS BRASÍLIA
Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino A1 – 13ª rodada
Estádio Arena da Amazônia, Manaus –AM  – 05/10/2020, 16h

Árbitro: Elivane Trindade da Costa
Assistentes 1 e 2: Uesclei Regison Pereira dos Santos e Adriana Costa Farias
Quarto árbitro: Freddy Rafael Lopez Fernandez

IRANDUBA
Stefane Rosa; Pitbull, Thalita, Vergara, Natasha Rosas; Margareth, Day Rodriguez(Marília), Gabi Batista, Paulinha; Brenda e Luana (Cíntia)
Técnico: João Carlos Cavalo

Cartão amarelo: não houve
Cartão vermelho: não houve
Gols: não houve

MINAS BRASÍLIA
Thalya; Lia, Jessica, Kaká (Lai), Suzana; Robinha, Gabi, Barbara (Isa); Katrine, Pelé, Steff (Hulk)
Técnico: Rodrigo Campos

Cartão Amarelo: Steff
Cartão Vermelho:
Gols: Bárbara (40’ 1T e 11’ 2T)

O post Minas Brasília vence e está perto de garantir permanência na Série A1 apareceu primeiro em DF Sports Mais.

Fonte: esportesbrasilia
Author: Camila Bairros

Powered by WPeMatico