Na quinta final consecutiva, Brasiliense encara o Ceilândia, ausente desde 2017


A definição do campeonato distrital acontecerá neste sábado (15), no Mané Garrincha, às 15h, com transmissão da Esportes Brasília. Brasiliense e Ceilândia entram em campo em busca do 43º título candango.

O Jacaré vai à quinta final consecutiva para afastar a zebra e conquistar o deca depois de ser vice por três vezes seguidas. Já o Gato Preto vai em busca do tricampeonato, em uma reedição da última final em que participou e acabou derrotado em 2017.

A equipe comandada por Vilson Tadei chega com incríveis 95,6% de aproveitamento, sendo 14 vitórias e apenas um empate ao longo da competição. O único time que conseguiu arrancar pontos do Brasiliense foi o próprio Ceilândia, já na quinta rodada do quadrangular semifinal, no empate por 1×1.

Já o Gato Preto, dirigido por Adelson de Almeida, chegou à final com oito vitórias, três empates e quatro derrotas, sendo um aproveitamento de 60%. Com a classificação para a decisão, ambas as equipes garantiram a vaga para a Copa Verde, Copa do Brasil e série D de 2022.

Para o jogo deste sábado, o elenco do Brasiliense terá dois desfalques: o atacante Tobinha, que sentiu a coxa direita ainda no primeiro tempo do clássico diante do Gama, e o lateral Peu, que contundiu o tornozelo direito. Já pelo lado do Ceilândia, todo o elenco está a disposição para a decisão do Candangão.

Retrospecto e futuro

Esta será a quarta vez que as duas equipes se encaram em decisões de Candangão. O retrospecto é favorável ao Jacaré, que venceu em 2005 e em 2017, sendo este, o último título distrital conquistado pelo Brasiliense. Em 2010, o Ceilândia levou a melhor e levantou a primeira taça do clube no certame local.

Após o encerramento do campeonato, o Ceilândia não terá mais partidas a realizar ao longo da temporada e só retornará a campo no ano que vem. O rival deste sábado ainda disputará a Copa do Brasil, diante do Grêmio/RS, busca pela participação na fase de grupos da série D do Campeonato Brasileiro, além de defender o título da Copa Verde.

Devido ao vice-campeonato de 2020, Zé Love e companhia deverão jogar a fase preliminar da série D contra o Real Ariquemes, já no próximo dia 26, em Ariquemes/RO, e dia 30, na capital federal. Logo após, o Jacaré vai a Porto Alegre enfrentar o Grêmio no dia 2 de junho pela terceira fase da Copa do Brasil e, uma semana depois, no dia 10 de junho, realizará o jogo de volta no Mané Garrincha.

O atual bicampeão Gama ficou apenas com a terceira colocação no Candangão e ficará sem calendário no ano que vem. O alviverde só tem chances de ser convidado à Série D de 2022 se o Brasiliense conseguir o acesso à série C nesta temporada. Com isso, os convidados seriam o vice-campeão candango deste ano, e o Gama, que já se garantiu no terceiro lugar.

Caso a Federação de Futebol do Distrito Federal (FFDF) pule da 21ª para a nona colocação no ranking da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o terceiro colocado desta edição do campeonato distrital herdaria outra vaga para a disputa da quarta divisão no ano que vem. O caso, no entanto, não deve animar o torcedor gamense, pois é visto como praticamente impossível.

Fonte: esportesbrasilia
Author: Lucas Fermon

Powered by WPeMatico

ESTÁDIO NACIONAL MANÉ GARRICHA

O Portal do estadiomanegarrincha.com.br é um portal independente, que reúne informações sobre notícias do esporte, jogos e eventos no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Siga-me no Twitter

Idiomas: