Pela 3ª vez seguida, Gama vence Formosa por 3 a 1 e disputa a final do Candangão


Nesta tarde deste domingo, 23, o Gama venceu o Formosa no Bezerrão por 3 a 1 e carimbou a vaga na final do Candangão. Nunes, Wallace e Michel Platini fizeram os gols do mandante, enquanto Mário Paiva descontou para a equipe visitante.

Os principais desfalques da partida foram Andrei Alba e Emerson, os dois por lesão. No caso do zagueiro foi apenas um desconforto, o que fez a comissão técnica optar pela preservação do jogador, gerando uma ótima chance para Gustavo Rambo. João de Deus, pelo lado do Tsunami do Cerrado, voltou ao banco de reservas após sua lesão no jogo anterior.

Formosa martela, mas não supera a defesa do Gama

A equipe de Heli Carlos começou procurando bastante o ataque, mas sempre esbarrava na ótima defesa montada por Vilson Tadei. Aos 10 minutos, Michel Paulista, em uma das poucas vezes que o Formosa construiu uma boa jogada, desperdiçou ótimo cruzamento de Rafinha. A bola passou perto da trave.

Dessa forma, ficava clara a diferença entre os dois times: um não conseguia aproveitar as várias chances que criava, enquanto o outro era certeiro em seu ataque. Foi assim que Wallace, aos 22 minutos, fez o primeiro gol do Gama, após escanteio batido por Vitor Xavier na primeira trave. Caio Carioca, que estava na marcação, marcou por trás e nem subiu. O gol deixava o cenário mais complicado para a equipe goiana.

Logo em seguida, aos 24, Andrezinho sentiu a coxa e teve que sair para a entrada de Formiga, que buscou muito o jogo pelo lado direito. O segundo gol do Periquito saiu aos 36, quando Esquerdinha carregou pela direita e virou o jogo, encontrando Nunes, sozinho, do lado esquerdo. O artilheiro do Candangão dominou e foi atropelado por Formiga, que chegou atrasado na jogada. Pênalti marcado pelo árbitro Rafael Diniz. Nunes, com a sua tradicional calma, bateu no lado direito, enquanto Lenon caiu para a esquerda do atacante. Décimo primeiro do artilheiro do Candangão até então.

Até o fim da primeira etapa, o que se viu foi o Formosa tentando achar espaços com enfiadas de bola para Cardoso, mas a marcação sempre chegava junto.

Formosa desconta, mas pênalti define o placar mais uma vez

O começo do segundo tempo não foi marcado por muita intensidade do Formosa. Apesar disso, aos 20 minutos, o zagueiro Mário Paiva entrou sozinho na área e completou o bom escanteio cobrado por Caio Carioca. Ele cabeceou firme e descontou para o time visitante.

Heli Carlos mexeu no time, mas, mesmo assim, chances claras de gol não eram criadas com facilidade. João de Deus entrou, mas não conseguiu criar muito espaço pela direita. Lance decisivo mesmo só aos 42 minutos, quando Norton cruzou na área e Zé Wilson agarrou Wallace pela camisa dentro da área. O juiz podia escolher a infração para marcar, pois Bruno Costa segurou a camisa do zagueiro Gustavo no mesmo lance. Michel Platini puxou a bola e bateu forte no canto direito. Lenon, mesmo escolhendo o canto certo, não teve a menor chance e o placar final foi o mesmo dos outros dois encontros entre as equipes neste Candangão.

Com a classificação, o Gama vai enfrentar o Brasiliense na final do Candangão, mesma final em 2019. A primeira partida entre as duas equipes acontece já na quarta-feira, às 11h, no estádio Mané Garrincha.

Ficha Técnica

Candangão – Semi-final – Segundo Jogo
Gama 3 X 1 Formosa
23/08/2020 – Estádio Bezerrão – Gama-DF

Arbitragem: Rafael Diniz
Assistente 1: Lehí Sousa
Assistente 2: Lucas Modesto
4º Árbitro: Leandro Almeida

Cartões Amarelos: Gustavo Rambo (Gama); Andrezinho, Elton, Formiga, Marcos Paulo e Zé Wilson (Formosa).
Cartões vermelhos: Não teve.

Gols: 22’ Wallace, 36’ Nunes (1º Tempo); 20’ Mário Paiva, 42’ Michel Platini (2º Tempo).

Gama
Calaça, Amaral, Gustavo, Gustavo Rambo e Peu; Wallace, Everton (Malaquias), Filipe Werley (David Souza), Esquerdinha (Michel Platini), Vitor Xavier (Norton) e Nunes (Renato Xavier).
Treinador: Vilson Tadeu.

Formosa
Lenon, Andrezinho (Formiga), Bruno Costa, Mário Paiva e Rafinha; Everton Cezar (Marcos Paulo), Zé Wilson e Caio Carioca (Wesley Brasília); Mário Neto (João de Deus), Michel Paulista (Ronan) e Cardoso.
Treinador: Heli Carlos.

Fonte: esportesbrasilia
Author: Lucas de Moraes

Powered by WPeMatico

ESTÁDIO NACIONAL MANÉ GARRICHA

O Portal do estadiomanegarrincha.com.br é um portal independente, que reúne informações sobre notícias do esporte, jogos e eventos no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Siga-me no Twitter

Facebook

Idiomas: