Real Brasília é goleado pelo Palmeiras no Brasileirão, mas segue no G8


O Real Brasília não conseguiu fazer frente para o líder Palmeiras na Série A1 do Campeonato Brasileiro Feminino. Na tarde desta quinta-feira (13/5), as Leoas do Planalto foram até São Paulo, mas acabaram goleadas pelo time alviverde, por 4 a 0, no Allianz Parque. Apesar da queda brusca fora de casa, o aurianil segue entre os oito melhores times do torneio nacional.

Logo nos primeiros minutos do jogo, o líder Palmeiras pulou na frente da marcação. O Real Brasília tentou ir para o ataque, mas não teve nenhuma efetividade e as alviverdes ainda ampliaram na primeira etapa. No segundo tempo, o time paulista voltou a aproveitar uma oportunidade nos primeiros minutos para colocar mais margem no marcador. O gol derradeiro saiu no fim da partida.

Palmeiras abre no início

O primeiro tempo foi bem administrado pela equipe palestrina, que abriu o placar logo no primeiro minuto da etapa inicial. A atacante Bia Zaneratto recebeu a bola e arriscou o chute da entrada da área para balançar a rede adversária e marcar o primeiro das paulistas. A desvantagem, a princípio, não intimidou o Real Brasília, que passou a ter oportunidades de marcar.

Aos 17 minutos, Isabela Melo tentou igualar o marcador em cobrança de falta, mas parou em Taty Amaro. Com 20 jogados, Daniele Silva recebeu sem marcação e foi derrubada fora da área pela goleira alviverde. As jogadores do Real Brasília pediram expulsão direta, mas a arqueira foi advertida apenas com o cartão amarelo. Aos 26 minutos, Bruna Calderan avançou pela direita e cruzou rasteiro, mas a goleira Flávia Guedes ficou com a bola.

Na sequência, a partida caiu de ritmo, mas o Palmeiras ainda teve tempo para marcar mais um. Aos 42, Bia Zaneratto passou por duas defensoras do Real Brasília e tocou para Ottillia. Na sequência, a bola chegou até Julia Bianchi e a camisa 10 deu uma assistência perfeita para Ary finalizar para as redes e ampliar a vantagem do time alviverde na partida ainda na primeira etapa.

Foto: Fábio Menotti/Palmeiras

Dois vira, quatro acaba

Na etapa final, o Real Brasília voltou a sofrer um gol nas primeiras voltas do relógio. Aos quatro minutos, Katrine avançou pela esquerda e cruzou rasteiro para Ottilia empurrar para o gol: 3 x 0. Aos 10 minutos, em cobrança de escanteio, a zagueira Rafaelle desviou de cabeça, mas mandou para fora. No minuto seguinte, Rafa Andrade tentou de fora da área, mas o chute saiu sem forças e Flávia pegou com tranquilidade.

O Real Brasília criou relativo perigo somente aos 20 minutos. Camila Pini viu espaço e chutou de longe, mas mandou por cima do alvo. Dez minutos depois, as Leoas do Planalto voltaram a chegar ao ataque. Raquel fez boa jogada pela ponta do campo e encontrou Janety no segundo tempo. A atacante aurianil, porém, não conseguiu dar sequência ao ataque e perdeu a chance de diminuir.

O Palmeiras deu números finais ao jogo aos 39 minutos. Após cobrança de escanteio, a bola encontrou Karol Arcanjo. Ela bateu com firmeza para fazer o quarto gol alviverde no Allianz Parque. Com a vitória, o time alviverde segue na liderança isolada do Brasileirão Feminino com 17 pontos somados. Com 11, o Real Brasília caiu para a sétima posição, mas segue na zona de classificação para as quartas.

Palmeiras 4
Taty Amaro ; Bruna Calderan (Camilinha), Rafaelle (Karol Arcanjo ), Taynara e Katrine; Júlia Bianchi (Manuela), Duda, Ary Borges e Rafa Andrade; Bia Zaneratto (Thainá) e Ottilia (Dandara). Técnico: Ricardo Belli

Real Brasília 0
Flávia; Raquel (Eliane), Isabela Melo, Petra (Pitty) e Bruna Natiele; Rafa Soares , Margareth e Camila Pini; Marcela, Daniele Silva (Janety) e Gadu (Amanda). Técnico: Adilson Galdino

O post Real Brasília é goleado pelo Palmeiras no Brasileirão, mas segue no G8 apareceu primeiro em Distrito do Esporte.

Fonte: distritodoesporte.com
Author: Distrito do Esporte

Powered by WPeMatico

ESTÁDIO NACIONAL MANÉ GARRICHA

O Portal do estadiomanegarrincha.com.br é um portal independente, que reúne informações sobre notícias do esporte, jogos e eventos no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Siga-me no Twitter

Idiomas: