Real Brasília vence Capital e encara Brasiliense na semifinal do Candangão


Após um empate no jogo de ida, realizado na última quarta-feira, 12, válido pelas quartas de final do Candangão 2020, o Real Brasília, terceiro colocado na fase classificatória, venceu o Capital por 1×0, com gol marcado no final de jogo, aos 40 do segundo tempo.

A ansiedade dos times no primeiro tempo ficou evidente e o número de erros e jogadas não finalizadas estavam em alta. Aos 10 minutos de partida, Gilvan teve a primeira grande oportunidade do Real. O camisa 9 chutou no canto esquerdo, mas o goleiro Michael estava ligado e jogou a bola para a linha de fundo.

O Capital tentava chegar ao campo de ataque, mas a forte defesa do Real pressionava o adversário. Rodriguinho, aos 15 minutos, tentou surpreender de fora da área, mas a bola passou pelo lado direito do gol.

Para o segundo tempo, o Capital veio mais focado a abrir o placar, aumentando o nível do jogo. a equipe até teve oportunidades de marcar, porém, com a defesa do Real muito bem entrosada, ficou difícil.

Aos 40 minutos do segundo tempo, finalmente saiu um gol. Romário derrubou Gedeilson e o árbitro marcou pênalti para o Real. Na cobrança, Gabriel tirou do goleiro e afundou a bola na rede para consagrar a vitória de seu time e dar números finais à partida.

Com a vitória, o Real Brasília avança às semifinais do campeonato e encara o Brasiliense, que venceu o Luziânia mais cedo. A partida de ida está marcada já para a próxima quarta-feira e deve acontecer no estádio Defelê, uma vez que o Jacaré tem a vantagem de decidir em casa.

CAMPEONATO CANDANGO – QUARTAS DE FINAL – VOLTA
REAL BRASÍLIA 1X0 CAPITAL
16/08/2020 – ESTÁDIO DEFELÊ – BRASÍLIA-DF

Arbitragem: Rafael Martins Diniz
Assistente 1: Lucas Torquato Guerra
Assistente 2: Kleber Alves Ribeiro

Público e renda:  Portões fechados

Cartões amarelos: Tiago Ulisses, Gabriel (Real Brasília); Robert, Romário (Capital).
Cartões vermelhos: não houve

Gol: Gabriel, aos 40 do segundo tempo.

CAPITAL

Michael, Everton Pereira, Pedrão, Guilherme, Werick, Romário, Rodriguinho, Maicon (Leonardo), Robert, Américo e Igor Bacho (Wellington).
Técnico: Marquinhos Carioca

REAL BRASÍLIA

Artur; Gabriel, Allef Nunes, Gedeilson, Márcio; Tiago Ulisses, Mateus (Chico), Geovane e Léo Campos; Gabriel (Waldson), Gilvan ( Ayrton), Davi Ceará (Wellington Sabão).
Técnico: Vitor Santana

Fonte: esportesbrasilia
Author: Vitor Bueno

Powered by WPeMatico