Recorde e final: Brasiliense goleia o Luziânia e faz história no Candangão


O recorde do Brasiliense veio acompanhado de uma goleada e um passaporte carimbado para a final do Campeonato Candango. Na tarde desta quarta-feira (5/5), o Jacaré confirmou a maior sequência com 100% de aproveitamento na história profissional do torneio local ao vencer o Luziânia, por 5 a 0, no estádio Serra do Lago. O triunfo foi o 13º seguido do time amarelo, superando a marca de 12 partidas estabelecida pelo Brasília em 1977.

O primeiro tempo foi um verdadeiro passeio amarelo. Apesar das poucas chances criadas, o Brasiliense foi bastante efetivo e guardou quatro das cinco oportunidades criadas – duas delas de pênalti e duas em jogadas trabalhadas. O Luziânia não fez Sucuri trabalhar nenhuma vez. Na etapa final, o time goiano partiu para o tudo ou nada. Porém, quem voltou a balançar as redes foi o Jacaré.

Foto: Gustavo Moreno/Esp. Metrópoles

Jacaré cirúrgico e efetivo

Com mais posse de bola, o Brasiliense apostou nas jogadas pelas duas pontas para incomodar o Luziânia, que se guardava na tentativa de puxar contra-ataques. A zaga goiana, porém, estava bem postada e dificultava a infiltração. A falta de inspiração dos homens de frente dos dois times era outro fator complicador impedindo grandes oportunidades concretas. A primeira surgiu aos 15 minutos e virou gol. Tobinha invadiu a área pela direita e foi derrubado por Gustavo.

Peu bateu pênalti com categoria para deslocar Matheus Lorenzo e colocar o Jacaré na frente. O lance praticamente se repetiu três minutos depois. Tobinha novamente entrou na área sem marcação e, desta vez, foi derrubado pelo goleiro do Luziânia. Bruno Nunes bateu no mesmo canto e ampliou. Com 23, Peninha tentou surpreender o mandou do meio-campo, mas Matheus estava ligado e pegou.

Antes da parada técnica, os goianos ensaiaram uma pressão, mas não incomodaram. Com a boa vantagem, o Brasiliense tirou o pé e passou a esperar os contra-ataques. Com mais posse, o Luziânia seguia com dificuldades de incomodar Sucuri. O Jacaré foi fatal duas vezes em poucos minutos. Aos 46, Lídio mandou um balaço e fora e Matheus deu rebote para Didira empurrar para as redes. Com 48, Tobinha driblou Matheus Lourenço e fez mais um.

Foto: Gustavo Moreno/Esp. Metrópoles

Time amarelo amplia a goleada

Sem o que perder, o Luziânia voltou com alterações em atacado – quatro ao todo – para mudar a postura do time. Com cinco, Rodrigo Menezes arriscou, mas pegou mal e mandou para fora. Com seis, os goianos, enfim, exigiram defesas de Sucuri. Na primeira, a bola de Goduxo quicou e quase traiu Sucuri. No rebote, o arqueiro pegou chute de Ferrugem. O Igrejinha seguia na luta por um gol de honra, mas não encontrava o caminho das redes.

Satisfeito com o resultado, o Brasiliense tentava acelerar o jogo nos contra-ataques. O time amarelo, porém, não tinha eficácia nas definições de jogadas. Um deles, porém, encaixou. Aos 23, Zotti recebeu pela esquerda e cruzou na cabeça de Jorge Henrique: 5 a 0. Após a parada técnica, o Jacaré quase fez mais um. Peu cobrou escanteio e Rodrigo Fumaça apareceu livre na área. De primeiro, o atacante carimbou a trave do Luziânia.

Aos 31, mais Brasiliense. Zotti arriscou de longe e Matheus pegou. Platini isolou o rebote. O Luziânia voltou ao ataque somente aos 35, com Goduxo chutando sem direção. Na reta final da partida, os goianos baixou ainda mais a guarda e deixou o Jacaré girar a bola. Fazendo o tempo passar em ritmo de treino, o time amarelo apenas controlou a vantagem para garantir a vitória, o recorde a vaga na final de 2021.

LUZIÂNIA 0
Matheus Lorenzo 🟨; Marcos Douglas, Gustavo Melo (Rodrido Menezes), Perivaldo e Weverton Goduxo; Dadinho 🟨, Robinho e Léo Torres 🟨 (Clebinho); Jhonatan (Kelvin), Matheus Rocha (Ferrugem) e Romário (Índio 🟨). Técnico: Ricardo Antônio

BRASILIENSE 5
Edmar Sucuri; Diogo, Badhuga, Keynan (Radamés) e Peu ⚽; Lídio (Zotti 🟨), Balotelli 🟨 e Peninha (Jorge Henrique ⚽); Tobinha ⚽ (Rodrigo Fumaça 🟨), Didira ⚽ e Bruno Nunes ⚽ (Michel Platini). Técnico: Vilson Tadei

O post Recorde e final: Brasiliense goleia o Luziânia e faz história no Candangão apareceu primeiro em Distrito do Esporte.

Fonte: distritodoesporte.com
Author: Distrito do Esporte

Powered by WPeMatico

ESTÁDIO NACIONAL MANÉ GARRICHA

O Portal do estadiomanegarrincha.com.br é um portal independente, que reúne informações sobre notícias do esporte, jogos e eventos no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Siga-me no Twitter

Idiomas: