Unaí e Capital empatam em jogo animado; time mineiro carimba classificação


Unaí e Capital justificaram a boa fase no Campeonato Candango fizeram um jogo cheio animado, repleto de emoções e reviravoltas. Na tarde desta quarta-feira (7/4), mineiros e candangos se enfrentam no estádio Urbano Adjuto. Com um time dominando cada tempo, os 90 minutos terminaram empatados por 2 a 2. Com o resultado, o Verdão da Serra carimbou o passaporte para a segunda fase da competição local. Com um lugar garantido na próxima etapa desde a última rodada, o Coruja realizou diversos testes, mas engrenou quando titulares foram colocados em campo.

No primeiro tempo, a partida começou pegando fogo. Logo no primeiro ataque, ainda nos segundos iniciais de bola rolando, o Unaí marcou um belo gol em finalização da entrada da área do volante Akin. O segundo veio minutos depois com Hiwry. Em desvantagem desde o início, o Capital encontrou dificuldades de criar. Na etapa final, o jogo continuou com bom ritmo. O time mineiro aproveitou a boa margem no placar e trabalhou para diminuir a intensidade de uma Coruja mais ofensiva. Insinuante, o time azul iniciou uma reação e conseguiu chegar ao empate.

Unaí começa quente

Em boa fase no Candangão, Unaí e Capital começaram o jogo de forma frenética. O apito mal soou e a bola já estava na rede. Em saída rápida, Akin recebeu bom passe e bateu com força para abrir o placar para os mineiros e fazer o gol mais rápido do campeonato. A Coruja não havia sofrido gols no torneio. Na sequência, as duas equipes emendaram bons ataques, mas não conseguiram efetivar as ações. Aos 11, Lucão encaixou com tranquilidade tentativa da quina da área. A partida seguiu pegada nos minutos seguintes. Porém, os ataques deixaram de levar perigo aos goleiros.

Aos 17, Gabriel viu espaço e tentou surpreender Luan, mas acertou o travessão. Bem na partida, o Unaí chegou novamente aos 20. Ézio avançou pela lateral e arriscou o chute, mas pegou mal e mandou longe. Aos 25, a pressão gerou um novo gol. Thiaguinho fez a jogada e achou Hiwry, que bateu bem para ampliar. No lance seguinte, Cirne limpou a marcação. O chute, porém, carimbou a zaga. Com 31. Cabralzinho bailou na área e abriu espaço. Na hora de tirar 10, finalizou errado. A bola saiu em lateral. Tranquilo com o resultado, o Unaí diminuiu o ritmo e deu espaço para o Capital.

A Coruja, porém, seguia com dificuldades de encaixar ataques com real perigo para o goleiro Lucão. Quando tinha a bola nos pés, o Unaí chegava ao ataque com certa tranquilidade. Entretanto, o time mineiro já não fazia tanta questão de ser incisivo. Aos 43, Cabralzinho cometeu falta forte. A arbitragem puniu o atleta com amarelo. A pressão no banco do Verdão da Serra foi por vermelho. Com 46, o Periquito teve boa falta na lateral ofensiva. Hiwry colocou na área. Atento, Luan saiu de soco e impediu a última tentativa de gol da primeira etapa.

Capital mexe bem e reage

A segunda etapa começou com um panorama parecido ao fim do primeiro tempo. Unaí e Capital estavam animados, mas as jogadas não encaixavam. Na tentativa de reagir, o Coruja fez três alterações em sete minutos. Aos oito, Miguel cruzou e Romarinho, uma das caras novas, cabeceou para fora. Quando ia à frente, o time mineiro não demonstrava pressa. A vantagem no placar justificava a cautela. Aos 18, o time azul marcou. Filipe Cirne passou da marcação e cruzou na medida para Romarinho escorar e recolocar o time candango no jogo.

O gol fez o Capital se assanhar. Com a chance de igualar, o técnico Roberto Mancini foi colocando mais titulares em campo. Aos 22, Mykaell cobrou falta para fora. Aos 25, Lucão derrubou Douglas Candango na área e a arbitragem assinalou pênalti. O próprio camisa 18 cobrou, deslocou o goleiro e igualou. A vidada quase veio aos 28, mas impedimento no início da jogada de Romarinho impediu novo gol. Aos 33, o Unaí enfim atacou com Romário, mas o atacante também teve o lance impugnado por estar na frente. A essa altura do jogo, o time azul era melhor.

O show de impedimentos, porém, continuava. Aos 34, Romarinho recebeu livre, mas na frente. Aos 35, Romário recebeu bom passe. Porém, Luan fechou o ângulo e salvou o Capital. Com 41, o time mineiro teve grande oportunidade em cobrança de falta. Gabriel bateu bem e viu a bola bater na rede pelo lado de fora. Com a intensidade dos 90 minutos, o ritmo do jogo, naturalmente, caiu no fim da partida. No último lance, porém, uma polêmica. Romário recebeu lindo lançamento de Gabriel, fez o corte e foi derrubado. Apesar da acintosa reclamação, o árbitro mandou seguir e finalizou o jogo.

UNAÍ 2
Lucão; Ézio, Juninho, J. Leandro e Gelsinho; Akin , Gabriel e Hiwry (Brendon); Samuel, Thiaguinho e Diego Clementino (Romário ). Técnico: Roberto Gaúcho

CAPITAL 2
Luan; Fabrício, Yslan, Peixão e Wester (Jair Júnior); Maicon , Miguel (David Souza) e Mykaell ; Cabralzinho (Douglas Candango ), Leozynho (Romarinho ) e Filipe Cirne . Técnico: Roberto Gaúcho

O post Unaí e Capital empatam em jogo animado; time mineiro carimba classificação apareceu primeiro em Distrito do Esporte.

Fonte: distritodoesporte.com
Author: Distrito do Esporte

Powered by WPeMatico

ESTÁDIO NACIONAL MANÉ GARRICHA

O Portal do estadiomanegarrincha.com.br é um portal independente, que reúne informações sobre notícias do esporte, jogos e eventos no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Siga-me no Twitter

Facebook

Idiomas: