Você não viu, mas foi um golaço! Wilker anota pintura e Ceilândia bate Paracatu

Neste domingo (24), o Ceilândia recebeu o Paracatu, no estádio Abadião pela última rodada da primeira fase do Candangão 2019 com portões fechados. O Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-DF) determinou que o confronto acontecesse sem torcida, devido às bobinas de papel e bombas atiradas na partida contra o Brasiliense. Quem deve ter lamentado a decisão foi Wilker, que fez um golaço e deu a vitória do Ceilândia, mas não tinha a torcida do Gato Preto para comemorar junto a ele.

O jogo foi lento e com poucas oportunidades de gol. O time mineiro, que precisava ganhar para subir colocações na tabela e facilitar a situação no mata-mata, pouco atacou. Já os donos da casa, mesmo sem almejar nada na competição, foi quem mais procurou marcar. Porém, o Tricolor de Minas foi o primeiro a assustar. Aos quatro minutos, Magal bateu falta da meia-lua e a bola carimbou o travessão do goleiro Matheus.




Aos 13′, a resposta do Gato Preto. Gabriel bateu falta forte e obrigou Eliomar Paredão a fazer boa defesa. Aos 16 minutos, nova falta, desta vez cobrada por Caio César, mas o camisa 7 colocou força demais na bola, que passou por cima da baliza mineira.

Na segunda etapa, viu-se maior movimentação do time do Ceilândia em busca do tento. Logo aos quatro minutos, David levou ao fundo e cruzou rasteiro, mas Henrique chegou para afastar antes que Cleiton Jr empurrasse para as redes. Com 15′ jogados, a melhor chance do Paracatu na partida. Richely fez boa jogada na ponta direita, passou por dois marcadores e cruzou para trás. Cecel, na marca do pênalti, chutou de tornozelo e a bola saiu mansa para a defesa de Matheus.




Aos 32 minutos, o lance mais bonito do jogo. Wilker, que entrou no lugar de Caio César, avançou livre pelo lado esquerdo, deu um drible desconcertante no zagueiro Breno e, na saída do goleiro, deu uma cavadinha e mandou por cima de Eliomar, marcando o primeiro e único gol do confronto. Fim de partida: Ceilândia 1×0 Paracatu.

O Gato Preto se despede do campeonato, sem torcida mas com vitória. O time mineiro, que perdeu uma posição na tabela com o resultado, vai enfrentar o Luziânia, na quarta (27), no estádio Frei Norberto, pelo jogo de ida das quartas de final.

CANDANGÃO 2019 – 11ª RODADA
CEILÂNDIA 1×0 PARACATU
ESTÁDIO ABADIÃO – CEILÂNDIA-DF

Público e renda: portões fechados

Árbitro: Ademário Neves
Assistentes 1 e 2: José Ricardo e Robson Leite
Quarto árbitro: Leandro Almeida

Cartões amarelos: Felipe Machado (Ceilândia)

Gol: Wilker, aos 32 minutos do segundo tempo

CEILÂNDIA
Matheus; Murilo, Cocada (Jefferson), Felipe Machado, Sami; Helinho, Michel, Caio César (Wilker); Gabriel (Gago), David, Cleiton Jr.
Técnico: Jairo Araújo.

PARACATU
Eliomar Paredão (Gabriel); Henrique, Breno, Gustavo Miranda, Magal; Batata, Acerola, Pedro Muniz (Maycon Alagoano); Cecel (Diego Nogueira), Leandro Aguiar, Richely.
Técnico: Antônio Carlos.

Fonte: esportesbrasilia
Author: Luiz Fernando